15/03/2012 às 16:46 - Atualizado em 18/02/2016 às 20:56

Fecomércio ES divulga nível de consumo dos capixabas.

Intencao do consumo das familias capixabas cresce.

Nível de consumo permanece favorável para os consumidores capixabas

O índice de Intenção de Consumo das Famílias (ICF) registrou 134,8 pontos em fevereiro, no mês anterior o índice foi de 136,8 pontos, relata a Fecomércio/ES.
  
Após um mês em que o consumo estava em alta devido às famosas liquidações e as férias, fevereiro apresentou queda na Intenção de Consumo das Famílias – ICF, divulgada pela Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do ES (Fecomércio/ES). O mês anterior apresentou índice de 136,8 pontos, caindo para 134,8 pontos no mês atual.
 
Apesar da queda, o índice se encontra em um nível favorável de consumo, acima dos 100 pontos, considerando que o indicador varia entre 0 e 200.
 
De acordo com o presidente da Fecomércio-ES, José Lino Sepulcri, a oscilação reflete a maior disposição das famílias da Grande Vitória de conter os gastos e diminuir o seu endividamento, já que no mês de janeiro o consumo foi maior. “O consumidor está mais cauteloso, colocando o pé no freio em fevereiro. As férias escolares e as liquidações que acontecem em janeiro contribuíram para maiores gastos no mês”, destaca.
 
Sepulcri explica ainda que a adoção pelo governo de medidas de incentivo ao consumo e o cenário inflacionário mais benigno no início do ano não surtiu efeito para os moradores da Grande vitória, e uma possível explicação para o declínio do índice está na queda da perspectiva de consumo da população, que teve queda significante de aproximadamente 16 pontos, apresentando 121,9 pontos atualmente.
 

A população também está menos confiante em relação ao emprego atual, porém a perspectiva de emprego subiu quase cinco pontos, devido ao saldo positivo de criação de postos de trabalho e uma baixa taxa de desemprego, passando de 138,8 em janeiro para 143 pontos neste mês, como o acesso ao crédito que obteve alta de quase um ponto.

 

Resultados ICF: janeiro-fevereiro 2012

Indíce

JAN/12

FEV/12

ICF

136,8

134,8

Emprego Atual

132,7

128,0

Perspectiva Profissional

138,8

143,0

Renda Atual

146,0

145,2

Compra a prazo/ acesso ao crédito

146,6

147,5

Nível de Consumo Atual

101,8

99,8

Perspectiva de Consumo

137,8

121,9

Momento para Duráveis

154,0

158,0